Fala-me de música

Músicos célebres

Tomás Alcaide

Tomás de Aquino Carmelo Alcaide, uma das figuras máximas do canto lírico português e mundial, veio ao mundo na cidade de Estremoz, Alentejo, no dia 16 de Fevereiro de 1901.
Iniciou os seus estudos em Lisboa, no Colégio Militar, onde lhe foi ministrada educação completa em diversas áreas, dedicando especial atenção ao desporto e às Artes. De seguida, passou para a Faculdade de Medicina de Lisboa, embora nunca chegasse a efectuar um exame final.
Vivia com um tio, que gostava muito de música e que o incentivou a cultivá -la. Inicia, então, lições de canto com o professor Alberto Sarti e, mais tarde, com Eugénia Mantelli. Passando para Coimbra, desejava adquirir conhecimentos de Química, participando em inúmeras serenatas nocturnas, que lhe deram grande popularidade. Inicia -se na ópera, embora como amador, cantando "La Bohème", no Clube Estefânia. Depois, no S. Carlos, numa festa artística do barítono Luís Macieira, interpreta o "Rigoletto".
Devido a uma crise familiar, ocorrida em 1925, de repente, acha -se sem dinheiro e sem recomendação, mas parte para Itália, imbuído de uma enorme vontade de vencer. Em Milão encontra -se com o professor Fernando Ferrara, que se tornou seu verdadeiro protector e amigo. Decorridos oito meses estreia -se no Teatro Carcano, no papel de Wilhelm Meister, na ópera "Mignon", de Ambroise Thomas, recolhendo as mais favoráveis críticas. Em 1927 consegue um contrato para cantar na Ópera de Boston e realiza uma esplêndida digressão pelos Estados Unidos, vindo a casar -se com uma milionária americana. Como todos os cantores, Tomás Alcaide tinha um sonho: apresentar -se no Scala de Milão, o que teve lugar a 8 de Março de 1930, como primeiro tenor em "Preciosas Ridículas", de Molière, texto musicado por Latuada. De tal ordem foi o êxito, que logo o contrataram por três anos e a crítica italiana considerou -o, então, como o melhor intérprete de "Fausto". Ainda em 1930 cantou brilhantemente no Porto e em Lisboa, efectuando a gravação dos seus primeiros discos para a etiqueta Culumbia.
Em 1931 participou pela primeira vez no Festival de Salzburgo. No ano seguinte, em Lisboa, cantou "Tosca" e "Rigoletto", sendo condecorado com os graus de Cavaleiro da Ordem de Cristo e de Oficial da Ordem de Santiago da Espada. Em 1933 intensificou a sua carreira em França, Monte Carlo, Praga e Bruxelas.
Em 1935 encontrava -se em Itália e foi informado de que, para cantar naquele país, teria de naturalizar -se italiano. Recusou se terminantemente a renegar a identidade portuguesa, transferindo se para França, onde prosseguiu uma carreira invejável.
Deflagra a II Grande Guerra Mundial e Tomás Alcaide vê interrompida a sua carreira. Embarca para o Brasil e lá se relaciona com a bailarina Asta Rose, vinte anos mais nova, que veio a ser a sua companheira até ao fim da vida.
Em 1942 volta a Portugal e mantém se inactivo até 1947, ano em que efectua mais uma digressão pela França, Bélgica, Brasil e Amyrica do Norte. Entretanto, adoece gravemente e regressa para sempre a Lisboa, onde, durante dez anos, permanece num quase silêncio.
Em 1958 é admitido na Emissora Nacional como Encarregado do Serviço de Intercâmbio. Três anos mais tarde dá à luz o livro "Um Ccantor no Palco e na Vida".
Em 1962 assume a direcção da Escola de Canto do Teatro da Trindade, cargo que acumulou com as funções de Mestre de Canto e Encenador da Companhia Portuguesa de Ópera.
Tomás Alcaide cantava em português, espanhol, italiano, francês, inglês e alemão, línguas que falava fluentemente. Nunca interpretou papéis secundários, tendo a capacidade da aderência do canto ao texto poético. Possuía a vibração interior e era senhor de uma sóbria, mas perfeita musicalidade de interpretação. Recorria a estudos e a pesquisas para ser rigoroso em todo o contexto do espectáculo: guarda roupa, adereços e caracterização.
No dia anterior ao da sua morte, que ocorreu no ano de 1967, trabalhou nas maquetas da ópera "Manon", que ia ser posta em cena.

José Fernandes da Silva

Capa | Conteúdos | Músicos célebres

Agora no Fala-me de música podes ter aulas de guitarra, presencialmente ou pela Internet.
Contacta-nos para saberes como.

Luís Oliveira
Telefone: 912938436 ou 966544836
Skype: lrouxinol